fbpx
skip to Main Content

Conheça os 5 melhores tratamentos para flacidez e estrias pós-parto

5 melhores tratamentos para flacidez e estrias pós-parto

Veja os benefícios de cada um dos procedimentos após a gravidez

Estrias, flacidez, inchaço e outros desconfortos estéticos costumam surgir após a gravidez. Embora sejam perfeitamente naturais na gestação, mudanças na pele podem prejudicar a autoestima da gestante, sobretudo quando não existiam antes da mulher dar à luz, devido à explosão de hormônios e da adaptação do corpo para carregar e amamentar o bebê.

Qual o motivo do aparecimento de estrias e flacidez pós-parto?

As estrias são um verdadeiro pesadelo na vida das mulheres. Elas surgem devido ao estiramento e quebra das fibras de colágeno e elastina que sustentam a pele.

Elas aparecem como linhas vermelhas, que anunciam o início de um processo inflamatório. Com o tempo, a inflamação regride espontaneamente e o corpo produz um colágeno mais espesso para cicatrizar o trauma. Aí as linhas se tornam brancas e podem ficar mais largas, com uma aparência enrugada, principalmente em locais de tração da pele.

 

Quais as principais causas das estrias?

  • Gravidez;
  • Aumento de peso;
  • Colocação de prótese mamária;
  • Uso de anabolizantes;
  • Fatores hormonais, como o uso de estrógeno e hormônios adrenocorticais;
  • Tratamentos prolongados com corticóides;
  • Fatores genéticos.

Na gravidez, com o aumento brusco de peso, a pele estica rapidamente, lesando as fibras de colágeno e elastina, principalmente nas partes do corpo que mais incham nessa fase, como abdômen, mamas, costas, glúteos e parte interior das coxas. A alteração dos hormônios sexuais neste período, como estrógeno e progesterona, também pode provocar lesões nas fibras.

 

Como evitar estrias?

A boa notícia é que há algumas maneiras de evitar esse mal. Um deles é manter o corpo bem hidratado sempre, bebendo, no mínimo, dois litros de água por dia. Os cremes para estrias e as loções hidratantes também podem ser excelentes aliados.

Além disso, praticar exercícios físicos com regularidade e alimentar-se bem são outras formas importantes de reduzir os riscos de estrias.

Terapias úteis e eficazes

Apesar de ser um problema de difícil solução, combater as estrias não é uma batalha perdida. As recentes, ou seja, as vermelhas são tratáveis, com lasers de diversos tipos, peelings e cremes contendo ácidos. Já as brancas ou antigas conseguem ser melhoradas, tornando-se quase imperceptíveis.

Os tratamentos são feitos em combinações, nunca isoladamente, para que os efeitos terapêuticos e a melhora no aspecto das estrias sejam mais efetivos. Assim, um resultado se soma a outro e, no final, temos uma melhora significativa das lesões.

A associação ideal para cada caso deve ser definida pela dermatologista, de acordo com o tipo de pele da paciente.

Não existe uma regra de tratamentos estéticos pós-parto. O que existe, sempre, é a avaliação cautelosa para entender os incômodos da paciente e o que pode ser feito naquele momento de amamentação, onde o corpo ainda sofre com os hormônios.

Conforme a análise de cada caso, avaliamos que, em geral, há cinco procedimentos que são mais indicados para o período pós-parto, justamente por respeitarem a saúde da mulher.

Atenção: Deve-se evitar a exposição ao sol durante a realização dos procedimentos.

 

Laser Lavieen

Com a aplicação do Laser Lavieen é possível melhorar a coloração e qualidade da pele na área tratada, atingindo uma coloração homogênea, uniforme, lisa, com mais viço, elasticidade, aspecto saudável e bem natural.

 

Microagulhamento

Com o microagulhamento, ao se contrair, durante a cicatrização, a pele ganha um aspecto mais liso e semelhante às áreas íntegras ao seu redor. Neste processo há também elevação da pele (que fica deprimida quando há estria). Além disso, devido ao rompimento provocado pelas agulhas, as células da epiderme, das fibras elásticas e de colágeno se regeneram e, por migração, passam a ocupar o local anteriormente ocupado por uma estria, ou seja, a região se refaz, aos poucos.

 

Peeling

O peeling é aplicado por toda a área com estrias, e cobre-se a área por um período de 2 a 6 horas.

 

Radiofrequência

A radiofrequência aumenta a temperatura das fibras de colágeno por todas as camadas da pele, contraindo-as, conseguindo um resultado de uma pele mais compacta e densa.

A temperatura local alcança 40ºC a 43ºC, o aquecimento do tecido induz o aparecimento de vasodilatação local e estimula à formação de um novo colágeno.

 

Preenchimento com ácido hialurônico

O tratamento com ácido hialurônico é indicado especialmente para estrias antigas. O produto é injetado por toda a extensão da estria, para nivelar a pele. Além disso, estimula a produção de colágeno, deixando a pele mais firme e uniforme.

Saiba mais sobre nossos tratamentos

A Clínica Dra Lívia Maria Camargo integra os conceitos de saúde, beleza e bem estar, aliando alta tecnologia e modernas técnicas a um ambiente elegante, seguro e acolhedor.

Localizada na Praia do Flamengo, além de uma bela vista para o mar, a clínica possui uma equipe treinada e qualificada para oferecer um atendimento diferenciado.

Conheça nossos tratamentos e agende uma consulta!

Back To Top
Abrir chat
Olá! Precisa de ajuda?